Pelo visto a valentia de alguns pseudo-umbandistas acabou assim que postei as medidas judiciais civis e criminais que havia tomado contra eles aqui no blog.Em uma breve verificação de comunidades e perfis que foram por mim denunciados à Justiça, uns poucos sobraram, mas estão completamente inativos.

O mais engraçado é que um dos mais embusteiros, um tal de “Luiz Cláudio” (http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=15827367145714013074 ), que vivia por dizendo que haviam mais de 520 processos contra mim, que tinha dossiê, que queria mesmo ser processado para apresentar testemunhas, documentos, etc, foi o primeiro a desaparecer do Orkut, em especial depois que a sua comunidade foi excluída. Mas ele, se achando esperto, deletou o seu perfil antigo e criou um novo, mas estúpido como é, manteve o vínculo de exclusão da tal comunidade, o que continua sendo prova contra ele na Justiça e, claro, já devidamente encaminhado às Autoridades, inclusive com uma bela foto do sujeito em Ouro Preto.

Não vou citar aqui outros quadrilheiros, por uma questão de estratégia, mas quero lembrar a todos os imbecis que resolveram se meter comigo, que todos os profiles, comunidades, tópicos ofensivos foram devidamente impressos e registrados em cartório através de Ata Notarial e declaração pública de minha parte.

Ademais, o Google tem a obrigação legal de manter registro de todos os profiles e comunidades excluídas por 6 (seis) meses, e estes dados já estão com a polícia e a justiça. Não adianta, portanto, deletar nada, pois está tudo salvo e devidamente registrado.

E a cada dia que passa mais idiotas “entram pelo cano”, já que acreditando que não será punidas ou encontradas por conta de perfis falsos “(Treme Terra, Ogum, Fênix, Cigana Soraya, etc), ou sentindo-se seguros por conta de comunidades fechadas, vão propagando mentiras sobre mim, mas se esquecem que, assim como eles, eu e pessoas à mim ligadas, podemos ser qualquer um entre os participantes de suas comunidades.

Tem muita gente do Rio de Janeiro, São Paulo (e interior), Belo Horizonte, Recife, etc, que logo serão surpreendidos por intimações e citações para responderem a inquéritos e processos. Resolvi que vou levar esta situação às últimas consequências, seja contra quem for.

Aconselho, portanto, a quem não quer ter problemas sérios com a Justiça, a esquecer meu nome e viver em paz. Caso contrário, o próximo processo criminal, com certeza, terá o seu nome como indiciado, tendo em mente que eu não preciso pegar todos, apenas um e este pode ser você.

Anúncios