Não faz muito tempo recebi um email de um “duas caras” que dizia que a Umbanda Esotérica estava fadada à extinção, que por este motivo estaria entrando em um “cristal” e seguindo a sua vida espiritual desta forma. Aliás, a pretensão do indíviduo é tamanha que se comparou à Mestre Itaoman.

Mas não é sobre traidores e gente sem caráter que quero falar hoje.

A Umbanda Esotérica, apesar do desmonte que o pretenso sucessor de Matta e Silva promoveu, continua viva. Talvez não tenha tantos adeptos quanto as demais vertentes da religião, mas com certeza os ensinamentos de Yoshanan não se perderam em meio a deturpações, mau caratismo e “umbandistas de cristais”.

Na foto, um flagrante em Belo Horizonte, onde podemos ver o ideograma do Orixá Yori fixado na traseira de um veículo. Certamente este não é um carro usado por algum “umbandista de cristal”. (clique na foto para ampliar)

Anúncios